Acústicos da Brooklyn com Artur Ribeiro

Abertura da série de acústicos da Brooklyn com Artur Ribeiro. 

No dia 11/08/2017 Artur apresenta, no formato acústico (voz e violão), parte das suas composições e músicas de autores que lhe influenciaram.
Vocalista da Theatro de Séraphin e nome importante da cena rocker de Salvador, Artur esteve à frente de bandas como Elite Marginal e Treblinka.
Couvert: R$ 5,00.
Local: Brooklyn Atelier
Avenida Mário Leal Ferreira, 360 Bonocô Center, loja 17., 40285-60
(71) 3561-2757
brooklynssa@gmail.com

Anúncios

Theatro de Seraphin & Modus Operandi se apresentam no Dubliners Irish Pub

Começa nessa Terça-feira 02/08, a comemoração pelos 2 anos do projeto “Quanto Vale o Show”. As bandas Theatro de Seraphin e Modus Operandi dão a largada nas festividades.

Vale a pena conferir!

QUANTO VALE O SHOW 2 ANOS
02/08 / 2016
Theatro de Seraphin https://www.facebook.com/Theatro-de-Seraphin-108313532605
Modus Operandi https://www.facebook.com/modusoperandi4?fref=ts
DJ BIGBROSS e Convidados

DUBLINERS IRISH PUB, 19horas.

Quanto vale o show

Warm Up Festival: Bigbands 2015 – Noites Bigbross records/Brechó discos

Warm UP Festival

TODAS AS QUINTAS DE JULHO

Local: Taverna Music Bar, Rua da Paciência 127 – Rio Vermelho
Horário: 21h
Valor: R$10.00
Atrações:
Dia 02/07 – Theatro de Seraphin, Squadro.
Dia 09/07 – Decliniun (Camaçari), Van der vous.
16/07 – A Flauta Vertebra, Cartel strip club.
23/07 – Bilic roll, Calafrio (Feira de Santana).
30/07 – Búfalos vermelhos e orchestra de elefantes, Novelta (Feira de Santana).

Theatro de Séraphin comemora 10 anos com Projeto Acústico

Theatro de SeraphinHá exatos 10 anos, o primeiro Teatro de Sombras Chinesas montado em Paris, no final do século XIX, por um cara chamado Dominique Séraphin, inspirou veteranos da cena rocker de Salvador a formar uma das bandas mais maduras e de personalidade mais forte da atualidade. Para abrir as comemorações por essa década ininterrupta de trabalho – na qual arrebataram para sempre os corações dos fãs com uma música densa, lenta, agressiva, rouca, triste, profunda e, principalmente, sincera – a Theatro de Séraphin estreia no próximo dia 24 de maio o projeto Theatro de Séraphin Acústico, aquecendo as turbinas para a gravação e lançamento de um CD com as melhores canções feitas pela banda e algumas inéditas.

Para se ter uma ideia da força e importância da Theatro, a banda conseguiu ressuscitar o velho Café Calypso, localizado no Rio Vermelho, que abrirá as portas exclusivamente para este projeto. Serão três shows ao todo (os dois últimos, respectivamente, nos dias 7 e 28 de junho), sempre às 18h, que contarão também com a participação de grandes nomes das artes visuais de Salvador realizando intervenções. No primeiro show (dia 24/05), quem marcará presença é o artista plástico Miguel Cordeiro, famoso por criar e grafitar as desconcertantes frases assinadas pelo personagem Faustino nos muros de Salvador na década de 80. Ele estará vendendo ilustrações inéditas, produzidas para a ocasião. Saiba mais aqui:www.miguelcordeiroarquivos.blogger.com.br. As pickups ficarão por conta do jornalista e crítico musical Chico Castro Jr.

Além de celebrar os 10 anos da Theatro, o projeto tem como objetivo angariar fundos para a gravação do CD comemorativo, que deverá manter ou superar a excelente qualidade discos anteriores: o EP `Tristes Trópicos´, lançado em 2007, e os álbuns `Quando as catedrais eram brancas´, de 2009, e `No fim de maio´, considerado pela crítica especializada como um dos melhores CDs de rock brasileiro de 2012. Os shows não serão abertos. Apenas amigos convidados por email ou através do Facebook poderão entrar. A contribuição obrigatória para ter acesso a cada apresentação é de R$ 10. Só será vendida cerveja premium, mas a preços honestos, garante a produção.

Sobre a banda:

A Theatro de Séraphin é formada por Artur Ribeiro (voz, guitarra base / ex-Treblinka e Cravo Negro), Marcos Rodrigues (baixo / ex-Via Sacra), Candido Soto (guitarra solo / ex-Cascadura) e Mark Mesquita (batera / ex-Theo e Os Irmãos da Bailarina). A maioria das letras é assinada por Artur, verdadeira usina de belas e soturnas canções. “Sabe aquela coisa das máscaras do teatro? Da alegria e da tristeza? Então, nas letras, sempre tem uma coisa muito terrível acontecendo, mas também sempre tem uma saída no final ou lá pelo meio, uma indicação de saída pelo menos”, observa em entrevista concedida ao videomaker Fernando Udo, tentando compreender a própria obra.

“De fato, o lidar com o tempo e a melancolia que isso gera são temas tema recorrentes em nossas músicas. Há uma densidade que é característica da banda. Essa pegada existencialista é a cara de Artur e minhas letras não são muito distantes disso”, reitera Marcos, idealizador da Theatro em 2004 e que também compõe, em entrevista ao jornal A Tarde. Já passaram pela Theatro o guitarrista Cézar Vieira (ex-Brincando de Deus), que substituiu Candido de 2006 a 2009, e o batera José Wilquens Dantas (membro fundador que deixou a banda em 2012).

A Theatro é reconhecida por sua sonoridade coesa e sofisticada, riqueza poética e por fazer rock autoral sem recorrer às influências de MPB e música regional. “Temos um certo radicalismo purista. Aqui não tem dendê. Somos uma banda de rock e acabou. Isso nos deixa orgulhosos”, ressalta Marcos. As principais influências da banda, sempre utilizadas de forma pessoal e contemporânea, são The Doors, Joy Division, Echo & the Bannymen, Smiths, Smashing Pumpkins, Small Faces, Leonard Cohen, Chet Baker, Paul Weller e, no caso específico de Artur, The Stills e, principalmente, Wilco.

As apresentações, sempre marcadas pela voz rasgada de Artur, emoção intensa e um certo clima noir, são raras e, normalmente, acontecem por meio de convites. A banda ficou entre as cinco finalistas da seletiva baiana para o festival Claro que é rock, realizada em 2005, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, onde dividiu o palco com banda inglesa Placebo. Também abriu um show de Marcelo Nova no Rock in Rio Café no mesmo ano, juntamente com a banda Koyotes (de Miguel Cordeiro, compositor da clássica `Simca Chambord´, do Camisa de Vênus) e participou de diversos festivais locais, a exemplo do Boom Bahia Festival e Festival BigBands. Apresentou-se ainda em eventos de rock no interior do estado, a exemplo de Bom Jesus da Lapa, Camaçari e Santo Antonio de Jesus.

Links

Para ouvir:
http://www.reverbnation.com/theatrodeseraphin
http://myspace.com/theatrodeseraphin

Theatro no facebook:
https://www.facebook.com/pages/Theatro-de-Seraphin/108313532605405?fref=ts

Theatro no youtube:

Ao vivo no Cine Teatro Solar Boa Vista:
https://www.youtube.com/watch?v=zeUH_sgNMEA

Lançamento do CD `No fim de maio´:
https://www.youtube.com/watch?v=jc8yT5D8Zrs#t=38

Passeio e bate-papo no Palacete das Artes: https://www.youtube.com/watch?v=33ac_DL6XHQ

Clipe de `Doze por Oito´:
https://www.youtube.com/watch?v=249eUE1TxQU

Clipe de `Cólera´:
https://www.youtube.com/watch?v=iYZIodKRkME

Serviço
O que: projeto Theatro de Séraphin Acústico (três shows, com intervenções de artistas visuais e DJs – na estreia, participação do artista plástico e criador do Faustino, Miguel Cordeiro, e discotecagem do jornalista Chico Castro Jr)

Quando: dias 24 de maio e 07 e 28 de junho, às 18h

Onde: Café Calypso (Rio Vermelho)

Quanto: R$ 10

Contato

Caio Tuy (produtor do projeto): (71) 8754-2337 / caiotuy@hotmail.com
Silvana Malta (assessora de comunicação): (71) 9663-8438 / 9153-6609 / silvanamalta@gmail.com

%d blogueiros gostam disto: