Palmeiras é o Campeão da Copa do Brasil de 2012

Em uma campanha invicta, o Palmeiras tornou-se o Campeão da Copa do Brasil de 2012.

Após vencer o Coritiba na primeira partida por 2×0, a equipe paulista soube administrar a vantagem, segurou a pressão do adversário e fez por merercer o título. É a volta por cima de uma equipe que foi muito contestada no início da temporada, e em campo soube superar os obstáculos, para a alegria de sua torcida.

Abaixo, reportagem do portal IG:

Com 10ª taça, Palmeiras torna-se clube com maior número de títulos nacionais

Triunfo na Copa do Brasil faz time alviverde abrir vantagem sobre os rivais de todo o país

O “Campeão do Século XX” está de volta ao topo. A conquista da Copa do Brasil 2012, na última quarta-feira, faz o torcedor do Palmeiras comemorar, sem qualquer dúvida, o status de maior vencedor de torneios nacionais da história. Se forem levados em conta os títulos da Taça Brasil, Roberto Gomes Pedrosa, do Campeonato Brasileiro – todos reconhecidos pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol – e da Copa do Brasil, o time alviverde soma 10 troféus. Nenhuma equipe do país possui tais números.

“Não podemos deixar passar essa chance de restabelecer a hegemonia nacional do Palmeiras, é importante estar no topo, é muito bom sempre ficar em primeiro”, exalta Ademir da Guia, ídolo da histórica Academia do clube dos anos 60 e 70.

Na disputa dos títulos nacionais, independentemente da Copa dos Campeões, o Palmeiras supera o Santos. A última conquista do time da Baixada foi a Copa do Brasil de 2010. Além disso, o clube da Vila Belmiro ganhou o Campeonato Brasileiro duas vezes, a Taça Brasil em cinco oportunidades e o Roberto Gomes Pedrosa em 1968 – são nove no total.

Os clubes mais populares do país também veem o distanciamento do Palmeiras com mais uma conquista. Com o título de 1987 oficializado no ano passado pela CBF, o Flamengo soma oito, seis edições do Campeonato Brasileiro e duas da Copas do Brasil. O Corinthians contabiliza o mesmo número, mas são cinco troféus do Brasileirão e outros três da Copa do Brasil.

Outro rival alviverde na capital paulista, o São Paulo aparece na quinta colocação, com seis conquistas do Campeonato Brasileiro. O clube de Morumbi segue, todavia, com a frustração de nunca ter conseguido levantar a Copa do Brasil, após a eliminação para o Coritiba na semifinal de 2012.

O título desta quarta-feira em Curitiba traz um sentimento especial aos heróis de conquistas palmeirenses do passado, como é o caso do ex-atacanta César Maluco. “É importante o Palmeiras alcançar essa posição de líder de torneios nacionais, principalmente para aqueles que ajudaram a construir isso e conquistaram cinco títulos pelo clube, como é o meu caso, do Ademir da Guia e do Dudu”, ressalta.

Veja tabela com as conquistas de cada equipe:

Titulo
Time Taça Brasil Robertão Brasileirão Copa do Brasil Total 
Palmeiras 2 (1960 e 1967) 2 (1967 e 1969) 4 (1972, 1973, 1993 e 1994) 2 (1998 e 2012) 10
Santos 5 (1961 a 1965) 1 (1968) 2 (2002 e 2004) 1 (2010) 9
Flamengo 6 (1980, 1982,1983, 1987, 1992 e 2009) 2 (1990 e 2006) 8
Corinthians 5 (1990, 1998, 1999, 2005 e 2011) 3 (1995, 2002 e 2009) 8
São Paulo 6 (1977, 1986, 1991, 2006, 2007 e 2008) 6
Grêmio 2 (1981 e 1996) 4 (1989, 1994, 1997 e 2001) 6
Cruzeiro 1 (1966) 1 (2003) 4 (1993, 1996, 2000 e 2003) 6
Vasco 4 (1974, 1989, 1997 e 2000) 1 (2011) 5
Internacional 3 (1975, 1976 e 1979) 1 (1992) 4
Fluminense 1 (1970) 2 (1984 e 2010) 1 (2007) 3
Bahia 1 (1959) 1 (1988) 2
Botafogo 1 (1968) 1 (1995) 2
Sport 1 (1987) 1 (2008) 2
Atlético-MG 1 (1971) 1
Guarani 1 (1978) 1
Coritiba 1 (1985) 1
Atlético-PR 1 (2001) 1
Criciúma 1 (1991) 1
Juventude 1 (1999) 1
Santo André 1 (2004) 1
Paulista 1 (2005) 1

*com GE

Anúncios

Bahia é o campeão baiano de 2012

Com a melhor campanha da competição, o Bahia conquistou ontem no Estádio de Pituaçú o seu 44º título de campeão estadual. Em uma final digna dos grandes clássicos nacionais, Bahia e Vitória fizeram um duelo bastante disputado, onde não faltou momentos de emoção e adrenalina.

Precisando vencer para ser campeão, o rubro-negro saiu na frente logo aos 4 minutos de jogo, com gol de Neto Baiano. Quando a torcida do Leão fazia sua festa, Fahel igualou o marcador, levando os tricolores ao delírio. A vantagem do Bahia se ampliou, após o goleiro Douglas falhar em uma jogada aérea, permitindo o segundo gol do Bahia, marcado por Gabriel.

Na etapa final, o que era motivo de festa para o Bahia, virou preocupação. Assim como o Vitória no 1º tempo, o Bahia desperdiçou boas oportunidades, e pagou caro. O rubro-negro em menos de 5 minutos empatou com outro gol do Neto Baiano e virou com Dinei. Neste momento, a torcida rubro-negra foi a loucura, enquanto os tricolores ficaram perplexos com o que viam.

Mais uma vez, o Vitória ficou com a mão no título, mas não soube segurar o resultado, e em bola lançada na área, Douglas defende uma cabeçada de Tite, mas Diones não desperdiça o rebote, marcando o 3º gol tricolor, para delírio dos tricolores. O Vitória até tentou o gol do título, mas, mais uma vez, se deparou com Marcelo Lomba, a muralha do esquadrão.

Ao término do jogo, o Bahia celebrou a quebra do seu maior jejum da história.

A Campanha do Tricolor:
– Melhor ataque do campeonato, com 67 gols marcados. O segundo melhor do Brasil, perdendo apenas para o Santos.
– Em 26 jogos, foram 17 vitórias, 6 empates e apenas 3 derrotas.

Disputa do 3º lugar

Na disputa pelo 3º lugar no baianão 2012, a equipe do Feirense levou a melhor sobre o Vitória da Conquista, e garantindo a sua melhor colocação na 1ª divisão, e de quebra, a 3ª vaga da Bahia na próxima edição do Campeonato do Nordeste. As duas equipes vão participar da série D do Campeonato Brasileiro.

Copa do Brasil

A CBF bem que poderia ter tido o bom senso em ter agendado o começo das quartas de final da Copa do Brasil para a próxima semana, afinal, ontem foi a rodada final dos campeonatos estaduais, sendo que dos 8 clubes, 5 estiveram em campo. Bahia, Vitória, Goiás, Coritiba e Atlético (PR), disputaram títulos neste fim de semana, o que acaba favorecendo ao Grêmio, São Paulo e Palmeiras que contam com a vantagem de terem seus atletas menos desgastados para os confrontos.

Dupla BaxVi em semana de decisão

Bahia e Vitória, classificados para a semi-final do campeonato baiano, encaram no meio dessa semana a chance de avançarem na Copa do Brasil. Na quarta, às 21:50, o Rubro-negro enfrenta o ABC.

Jogando no Barradão, o Vitória pode se classificar ganhando por qualquer placar, ou empatando em 0x0. Empate em 1×1 leva o jogo para os pênaltis. Diferente disso, a vaga fica com o ABC. O classificado desse confronto enfrenta o vencedor de Guarani x Botafogo. Na partida de ida em Campinas, o Botafogo venceu por 2×1.

Já o Bahia, enfrenta a equipe do Remo em Pituaçú na quinta, às 19:30. Diferente do rival, que arrancou um empate contra o ABC em Natal, ao Tricolor só a vitória interessa. No jogo do ida, em Bélem, o Bahia perdeu de 2×1, e só se classifica se vencer por 1×0, ou por 2 gols de diferença, casa o Remo faça gol em Salvador. Repetindo a favor do Bahia o resultado de Bélem, a vaga será definida nos pênaltis.

Bahia começa bem na Copa do Brasil

O Bahia fez uma boa estréia ontem na Copa do Brasil, derrotando a equipe do Auto Esporte pelo placar de 3×0, em jogo realizado em João Pessoa/PB.

Com gols de Rafael Donato, Souza e Gabriel, o Esquadrão de Aço garantiu a classificação automática para a 2ª fase da competição, onde vai enfrentar o vencedor do confronto entre Remo/PA e Real/RR. No primeiro jogo, empate em 0x0 e a classificação será definida em Belém/PA.

Já o Bahia de Feira, fez a sua estréia na competição perdendo para o Aquidauanense por 1×0. Para se classificar, será necessário vencer o próximo jogo em Feira de Santana por um placar mínimo de 2×0.

CBF divulga confrontos da 1ª fase e diagrama da Copa do Brasil

A CBF divulgou hoje os confrontos da 1ª fase da Copa do Brasil. Com 3 equipes na competição, as equipes baianas sonham em conseguir o título inédito para o Estado, e consequentemente uma vaga para a Taça Libertadores.

1ª rodada (Confrontos)  

Palmeiras x Coruripe-AL
América-RN x Horizonte-CE
Ceará x Gama
Paraná x Luverdense-MT
Cruzeiro x Rio Branco-AC
Chapecoense-SC x São Mateus-ES
Atlético-PR x Sampaio Corrêa-MA
Criciúma x Madureira-RJ
Grêmio x River Plate-SE
Ipatinga-MG x Real-ES
Náutico x Santa Cruz-RN
Fortaleza x Comercial-PI
Bahia x Auto Esporte-PB
Remo x Real-RR
Portuguesa-SP x Cuiabá-MT
Juventude x Operário-PR
São Paulo x Independente-PA
Bahia de Feira x Aquidauanense-MS
Atlético-GO x Gurupi-TO
Ponte Preta x Sapucaiense-RS
Atlético-MG x CENE-MS
Santa Cruz-PE x Peñarol-AM
América-MG x Boavista-RJ
Goiás x Paulista
Coritiba x Nacional-AM
ASA-AL x Sta. Quitéria-MA
Sport x 4 de Julho-PI
Paysandu x Espigão-RO
Botafogo x Treze-PB
Guarani x Brasiliense
Vitória x São Domingos-SE
Trem-AP x ABC-RN

As equipes da esquerda começam enfrentando os seus adversários fora de seus domínios, portanto, Bahia, Bahia de Feira e Vitória, podem eliminar a partida de volta se conseguirem superar os adversários por um placar superior a 2 gols.

Ver Diagrama completo da competição

O Bahia de Feira, atual campeão baiano, faz a sua estréia na Copa do Brasil

Camacho livra o Bahia de derrota

Ontem, pela Copa do Brasil, o Bahia ficou no empate em 1×1 contra o Atlético Paranaense no Pituaçú.

O placar foi ruim para o tricolor, mas diante às circunstâncias do jogo, o empate deve ser comemorado. O rubro-negro paranaense sobrou em campo no primeiro tempo e não souberam aproveitar a superioridade. O Bahia fez um péssimo primeiro tempo e não levou perigo a defesa do furacão.

Após perder boas chances, Guerrón marcou aos 44 minutos do primeiro tempo.

No segundo tempo, com as entradas de Rafael e Maurício, o Bahia ganhou em velocidade e a equipe baiana passou a pressionar os paranaenses, que sentiram a mudança de comportamento do tricolor. Aos 39 minutos da etapa final, Camacho fez um belo gol, evitando a derrota tricolor.

Na próxima quarta-feira, as equipes voltam a se enfrentar na Arena da Baixada. O Atlético tem a vantagem do 0x0. 1×1 leva para os pênaltis. A partir de 2×2 a vantagem passa a ser do Bahia.

A dúvida da torcida tricolor é saber até quando o Bahia vai insistir com a formação que vem iniciando as partidas.

Bahia avança na Copa do Brasil

O Bahia venceu o Paysandu por 2 x1 na noite de ontem e se classificou para as oitavas de final da Copa do Brasil. Souza marcou os dois gols do tricolor e garantiu a festa dos seus torcedores, que apoiaram e comemoraram a classificação.

Ao contrário do que alguns imaginavam, o jogo foi bastante disputado, as duas equipes tiveram boas oportunidades de gol e o Bahia foi mais eficiente.

O próximo adversário do Esquadrão de Aço será o Atlético Paranaense. O vencedor deste confronte vai jogar contra o vencedor do jogo entre o Vasco x Náutico.

%d blogueiros gostam disto: